quarta-feira, 21 de março de 2018

INDAGAÇÃO

Pedro Paulo Paulino

Eu sei que tudo passa: o mal e o bem,
A guerra e a paz, a dor e a alegria
Sucedem-se tais como a noite e o dia;
Momentos bom e ruim passam também.

Eu sei que após a tempestade vem
Sempre a bonança; e após a letargia,
Renasce um mundo cheio de euforia.
A vida é toda feita de vaivém.

Nossa existência é como um folhetim,
No qual, altos e baixos são a lei.
O próprio tempo passa. E sendo assim,

Ao tempo agora mesmo eu perguntei:
Por que, ó tempo, nunca chega ao fim
A saudade de quem não te direi?!...

Nenhum comentário:

Postar um comentário